Arquivo do mês: outubro 2011

Fritando na gordura

Um pouco de pieguice nas horas de aperto, de vez em quando, tudo bem. Mas no cotidiano, e no Facebook: dá vontade de fritar na gordura de acender fósforo. Écate!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Questão de sanidade

Siempre escribes lo mejor que sabes. Que se lean o no tus libros ya no es asunto tuyo, aunque naturalmente se agradece mucho que se lean, disse Javier Cercas, grande escritor espanhol. Não tenho essa visão tão serenamente indiferente quanto … Continuar lendo

Publicado em Cotidiano | Deixe um comentário

Nenhum docinho de coco

Para quem acha que a vida de quem escreve é um doce de coco, veja o e.mail que recebi de alguém que se intitula “pesquisador” da área de Letras: Prezada Maria José, Bom dia! Olá, tudo bem? Pretendo escrever um … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Um elogio ao romance

Em palestra recente sobre Graciliano Ramos, Antonio Cândido disse, entre muitas outras coisas interessantes, uma que me tocou especialmente: Que ele e sua geração conheceram o Brasil com os romances dos anos 30. Para eles, o romance brasileiro foi um … Continuar lendo

Publicado em Cotidiano | Deixe um comentário

Programinha bom

Não foi ontem, mas segunda feira. Depois de um dia que amanheceu com um monte de quefazeres pela frente, encontrar amigas e tomar uma cervejinha no final de tarde é muito bom. Aí embaixo estamos nós: Ivana Arruda Leite, Elvira … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Seis lembretes

Quase todo mundo da literatura sabe as 6 propostas de Ítalo Calvino para o milênio, mas de vez em quando é bom repetir, ainda que apenas como os lembretes resumidos por Celso Cruz uma tarde dessas: – concisão (a palavra … Continuar lendo

Publicado em Cotidiano | Deixe um comentário

Vozes de segunda

Manhã de segunda feira e uma pilha de trabalho à frente. Será que devo voltar pra cama? Volta, volta, volta, diz uma vozinha, porque bláblábláblá! Não, nem pensar!, diz outra vozinha, porque bláblábláblá e mais bláblá! Quer dizer: se o … Continuar lendo

Publicado em Cotidiano | Deixe um comentário